América latina, Uruguai.

América latina, Uruguai.

317
6
SHARE

País: República Oriental do Uruguai
Idioma: Espanhol
Moeda: Peso Uruguaio (UYU)
IDH: 0,792 (51º)
Ranking Mundial: 50 Bilhões de dólares (87º)

História

A história de quase todos os países da América do Sul começam no mesmo ponto, o Rio da Prata. O Uruguai foi então disputado por portugueses e espanhóis, que interessados nas pedras preciosas que eles acreditavam ter lá, mandaram cada qual suas expedições para o entorno do Rio da Prata.

Os registros comumente aceitos afirmam que o verdadeiro descobridor do Uruguai é o navegador espanhol Juan Díaz de Solís, o qual foi atacado por indígenas locais e morto, tendo o Rio da Prata sendo rebatizado de Rio Solís. Alguns anos depois, o navegador Fernão de Magalhães chegando à costa uruguaia avistou uma colina que logo foi batizada de Montevidi, dando origem depois à cidade de Montevidéu.

Depois de instalada algumas vilas, iniciou-se a colonização do novo território com os espanhóis fundando diversas vilas e construindo edificações para se proteger de possíveis ataques indígenas, que na época, eram os maiores empecilhos dos espanhóis na conquista e avanço de novos territórios.

Uma das características principais das novas vilas fundadas era que logo que o território havia sido conquistado, iniciava-se o cultivo e a criação de animais, principalmente gado, para o desenvolvimento econômico das regiões. Com os novos produtos, a região começou a se tornar um polo comercial para pequenos navios comerciantes que realizavam trocas de mercadorias com as colônias.

A independência do país veio junto com a contaminação dos povos uruguaios da ideia da Argentina de libertação de suas colônias. O Grito de Ascencio, uma revolta popular ruralista do Uruguai deu origem em 1811 o que se conhece por processo liberalista do país. Somente em 1828, depois de muitos conflitos e guerras armadas, é que Uruguai assina o Tratado de Montevidéu pela criação do Uruguai como um país independente e livre.

Política

Logo após a independência, o Uruguai era um país com uma população extremamente pequena (75 mil pessoas), e começaram a nascer polos políticos que buscavam o poder de governar o novo país.

Os partidos fundados eram os Blancos, que defendiam os interesses agrícolas, e os Colorados, que defendiam os interesses comerciais da capital Montevidéu. Então em 1838, os colorados em um golpe tomaram o poder total para si, poder este que durou até 1872, ano que foi assinado um tratado entre os dois partidos após diversos conflitos.

Em 1875, instaurou-se o poder militar no país em um período que o governo autoritário iniciou uma revolução econômica no país, transformando o Uruguai em um polo pecuário e de exportações. Esta atividade econômica agitada trouxe consigo uma leva enorme de imigrantes italianos e espanhóis para o país.

Em 1933, pós o Grande Crash norte americano, o país encontrava-se em um estado de miséria e conflitos internos. Foi quando ocorreu um Golpe de Estado e foi criada uma nova constituição dando poderes totais ao presidente. No entanto, após a Segunda Guerra Mundial, o mundo encontrava-se em recuperação e o Uruguai se viu em uma situação difícil com as suas exportações diminuindo e sua população empobrecendo.

Com a insatisfação da população, diversas guerrilhas urbanas contra o governo militar ocorreram e por fim o governo realizou um referendo no qual anunciaram a volta ao regime civil e eleições.

Economia

A economia do país é bastante forte no setor de serviços e agropecuária. O Uruguai é um país que possui um elevado valor de exportação, principalmente pecuniária podendo destacar bovinos e caprinos. O comércio exterior do país está intimamente relacionado com os outros países da América do Sul, tendo como seus três principais parceiros latino americanos o Brasil (19%), a Argentina (7%) e a Venezuela (4,5%).

Suas indústrias são bem desenvolvidas e com uma mão de obra bem capacitada, podendo destacar as indústrias alimentícias (resultado de um elevado setor pecuário), as têxteis, e as químicas.

O governo investe boa parte do PIB, cerca de 20%, em infraestrutura, P&D e outros meios de otimizar a qualidade tecnológica do país, sendo que o Uruguai é o maior exportador de softwares da América do Sul.

Curiosidades

  • O nome República Oriental do Uruguai significa originalmente república a leste do rio.
  • O Uruguai foi o primeiro país do mundo a legalizar o divórcio e também o segundo país das Américas a dar direito de voto às mulheres.
  • Os uruguaios comemoram a virada do ano geralmente em casa, jantando com a família. Não há festas nem fogos como no Brasil.
  • A taxa de analfabetismo é quase nula, girando em torno de 3%.

Se gostou não deixe de compartilhar com os amigos!

Até a próxima!

SHARE
Previous articleAmérica latina, Chile.
Next articleAmérica latina, Paraguai.
Graduado em Ciências Contábeis, possui MBA em Investment Banking e está agora iniciando seu mestrado em economia. Atualmente trabalha no mercado financeiro e escreve os blogs com o objetivo de ajudar as pessoas a conhecerem um pouco mais acerca do mundo econômico, contábil e administrativo e sobre tudo o que isto implica.

6 COMMENTS

  1. Olá Denis, belo texto, muito explicativo. Você sabe me dizer qual a diferença de valores entre o real e a moeda do Uruguai?

  2. Denis, no ponto de vista de trabalho no Uruguai. Você acha arriscado sair do Brasil para morar no Uruguai?

    • Olá Rodrigo,

      Quando alguém pensa em sair de um país para ir morar e trabalhar em outro deve ficar atento a uma série de pontos, dentre os quais:

      – Já possui oferta de emprego no novo país?
      – Como está a taxa de desemprego da região?
      – Minha área de atuação é muito diferente do meu país atual versus o país em que pretendo atuar?
      – Quais as perspectivas de emprego para minha área de atuação?

      A mudança de um país para outro é algo complicado e deve ser feita com todo cuidado para que, após a mudança, a pessoa não se encontre em uma situação pior da que estava em seu país de origem.

      Espero ter ajudado.

Deixe uma resposta