FAQ III

FAQ III

72
2
SHARE

Depois de um tempo reunindo as dúvidas, hoje vamos a nossa terceira rodada de perguntas enviadas ao site.

Vamos lá?

1 – Para fazer investimentos devo acompanhar quais índices? Selic? Ibovespa? Dólar? (Carlos Prata)

Esta resposta mudará dependendo no que você está investindo. Se você possui uma carteira de ações, por exemplo, deve ficar ligado ao que anda acontecendo na bolsa de valores.

Se está deixando dinheiro parado na poupança deve acompanhar de perto o que o Copom decide sobre a Selic. Se investe em moeda estrangeira deve estar atento as variações do dólar.

O importante na verdade é você ter um conhecimento da situação geral, ler diversas páginas dedicadas à economia e acompanhar o Brasil e o mundo como um todo, pois somente assim você terá uma melhor opinião sobre como posicionar seus investimentos e depender menos de opiniões de terceiros.

2 – Por que não devo acompanhar algum analista especializado no mercado? Eles podem prejudicar meus investimentos? Também não devo seguir a estratégia de nenhum “guru”? (Richard Breno, em resposta da pergunta feita pelo Carlos Prata)

Não há problema algum em acompanhar as dicas de um analista de mercado ou admirar e tentar aplicar os passos de um guru na sua carteira de investimentos. Porém o que acontecerá se as estratégias deles falharem? Você vai perder dinheiro como eles, é claro.

As vezes um analista/guru possui a sua disposição milhares ou milhões de reais para montar uma carteira e por isso ele pode ter acesso a investimentos que nós, pequenos investidores, não podemos. Também vale lembrar que por vezes eles são investidores agressivos, ou seja, eles irão colocar seu dinheiro em investimentos de alto risco que se você segui-los pode vir a ter muita dor de cabeça.

Quando comecei a investir e desbravar o mundo dos mercados eu também seguia dicas de alguns especialistas, porém sempre tive em minha cabeça que iria construir minhas próprias estratégias a fim de não ficar preso aos conselhos de outra pessoa. Só nós conhecemos os riscos que estamos dispostos a correr, então nada mais certo do que nós mesmos entendermos no que estamos apostando.

3 – Como sei que tipo de investidor eu sou? (vários)

Para descobrir que tipo de perfil você tem (conservador, moderado, arrojado, agressivo) você pode procurar clicar aqui e ler o artigo sobre “perfil de investidor” para descobrir que tipo de perfil você possui e quais os melhores investimentos para você.

4 – Como escolher uma corretora para começar a investir? (vários)

Uma corretora é a porta entre você e seus investimentos. Escolher uma corretora de confiança é fundamental para você não ter nenhuma dor de cabeça futura e poder se concentrar somente nos seus investimentos. Bom, o primeiro a fazer é ir no site da BMF&Bovespa e ver a listagem de corretoras no site.

Eles tem uma vasta lista com as características de cada uma. Depois de escolher algumas delas é a hora de analisa-las para poder escolher a que você irá se cadastrar.

Busque informações em sites de busca, fóruns, comunidades e etc., tudo para você poder contratar os serviços com segurança. Vale sempre também ligar para a corretora e ir lá, pois nada como ver como é o tratamento pessoalmente para se ter certeza de como a empresa cuida de seus clientes. Feito isto, boa sorte e bons investimentos.

Para fechar o FAQ temos a última e mais questionada pergunta de todas:

5 – Por que o blog não aborda investimentos? (vários)

Na internet existem milhares de sites sobre investimentos e educação financeira. Eu apesar de conhecer muitos só visito algo por volta de dois deles que acredito realmente estar dando informações que valem a pena. Não estou desmerecendo os outros sites, porém sou fiel de alguns apenas.

O site Economia sem segredos tem um foco mais específico. Gosto de dizer que sou um dicionário para os outros sites, uma vez que a maioria deles se utiliza de linguagem mais técnica e por vezes fazendo isto pode afastar quem está começando agora e buscando maiores informações. O blog tenta de forma clara passar os principais tópicos necessários ao entendimento do mundo da economia e por isso foca mais em termos que você pode encontrar nos jornais ou outros sites.

Então é isso. Para conhecer mais sobre o tema clique aqui.

—–

Se gostou não deixe de compartilhar com os amigos! Até a próxima!

SHARE
Previous articleCrise Financeira - O que é? Como se prevenir?
Next articlePor que estudar economia?
Graduado em Ciências Contábeis, possui MBA em Investment Banking e está agora iniciando seu mestrado em economia. Atualmente trabalha no mercado financeiro e escreve os blogs com o objetivo de ajudar as pessoas a conhecerem um pouco mais acerca do mundo econômico, contábil e administrativo e sobre tudo o que isto implica.

2 COMMENTS

Deixe uma resposta