OCDE – O que é? O que faz?

OCDE – O que é? O que faz?

125
1
SHARE

Neste artigo voltamos a falar sobre as instituições que são responsáveis pela harmonização da economia seja ela nacional ou internacional. Muitas destas instituições foram criadas em momentos de crise com a esperança de levantar a economia mundial, enquanto algumas são formadas por grupos de países que visam uma melhor interação comercial.

(Uma dessas instituições é o FMI. Clique aqui e leia sobre).

A instituição que vamos abordar neste artigo nem sempre é vista nos noticiários, porém isto não tira a sua importância e relevância para a construção de um cenário econômico melhor.

OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

Com sede em Paris, a OCDE (antes OECE) é uma organização que foi idealizada em 1947 com o principal objetivo de cooperar na implementação do plano Marshall, um plano financeiro Norte-Americano que consistia em ajudar a Europa pós II Guerra Mundial. Já em 1961 com a entrada dos EUA e Canadá na organização, finalmente a OCDE era oficializada.

A OCDE é composta por 34 países membros (lista de membros) sendo destes, trinta países que apresentam uma economia classificada como economias de renda alta e quatro como emergentes. Além da participação elevada no PIB mundial, os países membros da OCDE também apresentam um alto nível de IDH (índice de desenvolvimento humano).

Os objetivos da OCDE podem ser listados como:
  • Buscar o desenvolvimento econômico entre os países membros.
  • Desenvolver a estabilidade econômica entre os países membros.
  • Contribuir para o crescimento do comércio mundial.
  • Melhorar o nível de vida entre os países membros.
  • Cooperar para o desenvolvimento de emprego entre os países membros.

Como pode ser visto a OCDE visa a priori o desenvolvimento econômico e social dos seus países membros, mas ela não deixa de lado o desenvolvimento dos países emergentes e subdesenvolvidos.

Como os países membros são uma grande parte no PIB mundial, o desenvolvimento de suas economias levam ao crescimento de todas as outras economias que a elas estão relacionadas.

Brasil x OCDE

O Brasil apesar de não ser um país membro da OCDE possui uma relação ativa com a organização podendo participar como membro pleno de forma seletiva nos comitês que lhe cabem como o Comitê Diretivo do Centro de Desenvolvimento e o Comitê de Investimentos.

O papel da OCDE no mundo é tão importante que ela é uma das fontes de informações mais confiáveis quando se tratam de assuntos como economia, sociedade e práticas de combate à corrupção.

Seus relatórios são avaliados pelos governos de diversos países, estes membros ou não membros, e são utilizados como parâmetro para a construção de metas socioeconômicas.

Então é isto, agora você já sabe qual a relevância da OCDE e entende o porquê de seus relatórios mexerem tanto com os mercados mundiais…

Se gostou não deixe de compartilhar com os amigos! Até a próxima!

SHARE
Previous articleEmpresas listadas na Bovespa - Como analisar?
Next articleBlocos econômicos: Mercosul.
Graduado em Ciências Contábeis, possui MBA em Investment Banking e está agora iniciando seu mestrado em economia. Atualmente trabalha no mercado financeiro e escreve os blogs com o objetivo de ajudar as pessoas a conhecerem um pouco mais acerca do mundo econômico, contábil e administrativo e sobre tudo o que isto implica.

1 COMMENT

Deixe uma resposta